20.3.09

Más companhias.


"-Queres uma pastilha?" Foram as minhas ultimas palavras antes de enfiar a roda na valeta.

Pensando em como algumas amizades se mantêm e outras não, lembro-me do facto de já ter furado três pneus desde que conduzo, e de nessas três ocasiões o Hélder estar dentro do meu carro...

Eu e o Hélder somos amigos desde a escola primaria, e embora sempre tenha havido um ou outro conflito na nossa amizade, ela tem resistido até aos dias de hoje... Ou pelo menos até ao dia de ontem!..

Ontem à noite, regressávamos os dois do Vasco da gama quando, uma manobra perigosa do carro que seguia à minha frente obriga-me a enfiar a roda dentro da valeta, resultando no terceiro furo da minha vida!
Fechei os olhos, desliguei o motor e inspirei bem fundo antes de sair do meu carro, e só então caminhei calmamente em direcção ao outro... E avisto uma bela rapariga de vestidinho curto e saltos altos a tentar sair desse carro com a mesma dificuldade que tem quem já bebeu mais do que a conta.

Claro que um simples telefonema para a policia resolveria o meu problema, mas não! O menino Hélder, motivado por segundas intenções, como é seu habito, decide resolver as coisas de outra maneira e convence-me a não ligar às autoridades. Primeiro pede calma à rapariga, que o olha com ar desconfiado, depois diz-lhe que tudo se vai resolver amigavelmente e que no dia seguinte a irá contactar para tratar de toda a papelada do seguro, mas que para isso acontecer precisaria ter o seu numero de telemóvel. Ela concordou acenando com a cabeça e, sorrindo com nervosismo lá escreveu alguns números meio tortos num lenço de papel sujo de maquilhagem. E alegremente seguiu viagem.

O Hélder esfregava as mãos de contente, pois já tinha o numero da rapariga e o segundo encontro com ela estava mais do que certo.
Olhou para mim, mordendo o lábio como quem diz: "-viste como se engata uma gaija?" enquanto eu abria e fechava a boca, como um peixinho fora de agua, ao mesmo tempo que mudava o pneu furado.

Hoje à tarde, como ele não dizia nada, e eu queria era o dinheirinho para comprar o pneu novo, decidi ir ter a casa dele, para saber o ponto da situação...
-Então, ligaste-lhe? -perguntei eu entusiasmado.
-Vá lá! fala homem, o que disse a rapariga?
-Oh... Calma! Liguei.... Liguei e só ouvi uma rapariga com uma voz suave dizer..."TMN, o numero que marcou não se encontra atribuído"
-Grrrrrrrr!!!

Bom, seria estúpido acreditar na existência de uma ligação directa entre conduzir com o Hélder dentro do meu carro e ter um furo.

O simples facto de continuar a ser seu amigo já me parece estúpido o suficiente!

25 comentários:

*Me* disse...

Odeio pneus furados e nunca tive de mudar nenhum...

O teu amigo tens os valores e os ideais trocados esta é a minha opinião sincera.

Bolas mas também é preciso ter azar três furos com ele, deve ser a dose...

Beijos e espero que o teu pai esteja melhor!!!

Christiana disse...

tadinhoooo!
épa ou ele é a "sorte" em pessoa ou então a combinação dos dois é que é "perfeita"...
tu conheces-me, sabes que neste momento estou a sorrir de forma idiota e a piscar-te o olho lol mas a situação é realmente xata, eu sei... :(
as vezes as coisas são assim, acontecem das formas mais estúpidas e cómicas, mas nada acontece por acaso ;)
daki a dois meses estás a rir-te da situação e a dar palmadinhas nas costas do garanhão do engate a dizer-lhe pa mudar de táctica ;)
beijo grande lindo*

p.s.-adoro a forma como escreves as situações, ate mesmo esta tem o seu "quê" de ternura ;)
muahaha* boa naninha*

Christiana disse...

outro p.s.- pelo menos a teoria de que "não há 2 sem 3" ja n é válida para ti ;) n te preocupes, n furas mais pneus ;)
beijooo*

Cão(somente) disse...

O conto do vigário, versão trânsito eheheh.
Afinal parece que o teu amigo Helder tinha bebido mais do que ela. eheheh
E nem a matrícula tiraram? Não ia valer de muito...
Resumindo: nem pneu novo, nem engate e uma amizade em "apuros" eheheh.
Espero que um simples pneu não ponha fim a uma amizade de infância. Já é tão difícil arranjar bons amigos...

Abraço.

Marisa disse...

Oh God... parece que esta semana, nós e os carros não andamos muito bem....
Eu tb bati contra um poste... Qdo vires o meu blog, lês os pormenores LOL
Uma vez um Sr bateu na traseira do meu carro, e tb me quis dar os contactos, mas eu desconfiada como sou, pedi-lhe o BI ( além do numero tava tentada a tirar a filiação LOLOLOL), contribuinte, tirei matricula, pedi morada, parecia um interrogatório da polícia LOL, o homem viu que eu tava em stress e disse: menina, venha comigo até ah rua X e fazemos já a participação e fica arrumado.
E eu cá pra mim, já me safei...LOL
O homem era sério mas podia não ser.
Para a próxima já não te acontece igual :)

Beijinhosssssss

Marisa disse...

Ah...
Quanto ao teu amigo, well... pelos vistos ele sempre foi assim, e se é amizade de infância, mais pneu menos pneu não vai afectar.... mt... :)
Embora, eu no teu lugar, tb ficaria possuída por algo mto mau neste momento LOL

Jokas

Sassi disse...

Olá!
Pois, podias ter tirado a matricula! Depois fazias queixa que ela tinha fugido. Assim... nada feito!
Mas podes sempre convencer o teu amigo que agora ele vai ter de te pagar o pneu. E lembra-te do velho ditado: "Amigos amigos, negócios à parte".
Os amigos são importantes mas não percebem nada de negócios. Mas é triste perder assim um amigo, não deixes que isso aconteça!
Bjos

Nós os cinco disse...

Eu achei graça...desculpa que te diga mas o teu amigo foi "guloso", e tu é que te lixas-te!
Deixa-la mais pneu menos pneu, pagam isso a meias e ainda se riem do acontecimento!!
Bom Fim de semana
P.s as mulheres são muita espertas!"!!ehehehe

angeleyes- li disse...

pela minha experiência, mais vale prevenir do que remediar. portanto tirra sempre a matrícula da outra (a matrícula do carro mesmo lol) e confirmar se o numero de tlm existe. mas nesse mesmo caso assinar sempre a declaração amigável ;) mesmo q no dia seguinte seja pro lixo.
bjocas

Libelinha disse...

Ora bem, vou te explicar porque é que sempre que furas um pneu estás com o teu amigo... Como tu mesmo dizes é um amigo de infância, o que acho que significa que passam muito tempo juntos... Daí ele estar sempre presente sempre que furas um pneu... Além do mais os amigos são mesmo para essas coisas, lol... Para ajudar a trocar pneus, hehehe!...

Mas que grande lata! Então deixaste-o a tomar conta de uma situação que era só tua e da rapariga, que ele apenas presenciou porque estava no teu carro?... Eu fazia-lhe pagar o pneu, hehehe...

Paguem isso a meias e ficam com uma história para contar aos netos, lol...

Beijinhos

_Malinha viajante disse...

Ainda há pouco tempo pus fim a uma amizade também de anos com uma das minhas ex-melhores amigas!! Esperamos deles atitudes dignas de amigos e quando já começa a ser demais o melhor é cortar o mal pela raíz!!:PP
bjs
_malinha

André jesus disse...

Ao inicio pensei que este era um post humoristico, mas no fim fiquei assim algo um pouco assustado com isto... Nao é fácil deixar de ser amigo de alguém que já anda ao nosso lado há muito tempo... (Mais uma boa história e um bom exemplo)

Obrigado dreamer. Abraço

Martina disse...

Tchhh (tenho mesmo que dizer isto!) que drama !
Zequinhas não acabes a tua amizade por um pneu furado =S
Não faças isso rapaz! =S

Olha, ele que pague os 30 contos do pneu! x] LOL

Bem, e em relação ao meu post (a). Não, não é aquele amor de ..coise.. somos só amigos =P

(GOD DAMM IT!! --') :/

amiudadesapatilhas disse...

lol pensei q este texto fosse irreal/inventado, é que cheguei a rir e bem alto de tal peripécia digna de filme!!! mas parece-me q... bem, que aventura!!! agora o teu amigo q assuma com as despesas no mínimo!!!
beijo

susana disse...

ahahahaha! desculpa mas não deixa de ser um episódio engraçado! Talvez ele perceba que as moçoilas não são assim tão palermitas:P Quanto a amizade ela n se mede pelo numero de pneus mas sim pelas acções. E a falar é que as pessoas se entendem!

beijinho
su

starfish disse...

Olá :)

É uma situação chata, sem dúvida. Sobretudo devido às "segundas intenções" do teu amigo. Mas agora só estás aborrecido com ele, quando as coisas acalmarem e conversarem vais ver que tudo vai ficar bem :)

Quanto ao pneu, sempre pode ser ele a pagar, não? ;)

Anjo De Cor disse...

Homens...
Ao menos podia no momento verificar se era esse mesmo o número ... estava bebada mas ainda foi esperta, acho que faria o mesmo, heheheheh ;)
Para a próxima já sabes que há poucas pessoas em quem confiar ...
Bjs e bom domingo

*flor* disse...

LoL

E que tal ser ele a pagar o pneu?

É andares com o teu amigo de carro dá-te um grande prejuízo!

beijoca*

amiudadesapatilhas disse...

e a linda banda sonora deste blog hein? ninguém comenta?? quem é amiga e te deu a conhecer esta beleza, quem quem? ah pois é =) (eu sei, a música é em minha homenagem ihihih)

Clau disse...

LOLADA!!!! Hilariante, mas eu tinha dado (ao amigo) um par de berros daqueles!

PaulaPan disse...

LOL
ai k eu tinha feito ele correr atras da rapariga pelo pais todo xD

e ainda bem que por enkuanto ainda n tive um pneu furado xD

izzie disse...

Aaaai meu deus!

É por essas e por outras q até nem gosto de conduzir... (quando digo essas e outras refiro-me a não ser gira, de tacões altos e beber mais q a conta)
Mas tb tenho uma amiga assim... testa limites... de paciencia...
Mas as coisas resolvem-se, não é?

Beijo

Milai disse...

Mesmo as más notícias são agradavéis de se ler. Tens um dom para a escrita e uma vida bastante preenchida. Agradece ao teu amigo por mais uma história engraçada:)

Mariana disse...

gostei do blogue:) bj

convido-o a visitar o meu

elena alonso disse...

fogo maninho se fosse eu nao sei se teu "amiguinho" teria tempo de se aproximar da miuda escolhe melhor os amigos
jinho